Girabola

17-04-2017 07:33

Cabo-verdiano Rambé atira 1.º de Agosto para a liderança

O 1º de Agosto reassume a liderança com 23 pontos, mais um que o trio constituído por Kasbuscorp do Palanca, Petro de Luanda e Sagrada Esperança da Lunda Norte.
1.º de Agosto
Foto: D.R.

1.º de Agosto

Por SAPO Desporto c/ Angop sapodesporto@sapo.pt

Com bis do cabo-verdiano Rambé, um golo de Bua e outro de Geraldo, o 1º de Agosto goleou este domingo o Progresso do Sambizanga, por 4-0, no jogo de maior impacto da décima jornada do campeonato nacional de futebol da I divisão, Girabola-2017.

O derby entre ‘’Militares’’ e ‘’Sambilas’’, que na década de 80 carregava o maior número de adeptos aos estádios, quando por um lado desfilava figuras como Napoleão Brandão, Lourenço, Ndunguidi, Alves e tantos outros, e da outra parte, tinha como principais artistas Luís Cão, Salviano, Praia, Santo António e Santinho, começou com estudo mútuo na tentativa de encontrarem soluções imediatas.

Face a este período, o 1º de Agosto (campeão nacional) começou a criar algumas dificuldades na linha mais recuada do Progresso.

A passagem do 11º minuto, os militares inauguraram o marcador, por intermédio do cabo-verdiano Rambe, que recebeu passe do lado esquerdo como atacava a sua equipa.

Três minutos volvidos, os militares chegaram ao segundo golo, desta vez por Bua, na sequência de um passe de Geraldo batendo com facilmente o guarda-redes Nyame.

Volvido um minuto, após o centro o Progresso criou alguma instabilidade na área adversária, quando o capitão Massunguna atrasou a bola para o seu guarda-redes, mas este abordou mal o lance o que permitiu a ameaça do avançado Yano que na disputa o esférico passou por cima do travessão.

A equipa militar esteve perto do terceiro golo, aos 19 minutos, já com o guarda-redes sambila fora dos postes, Geraldo colocou a bola para direção incerta.

Aos 37 minutos o Progresso permitiu uma defesa do guarda-redes Tony, na transformação de penalty, Yano não teve calma para bater para o sítio certo.

Com uma goleada a vista, o 1º de Agosto ampliou o resultado para 3-0, aos 43 minutos por Geraldo, depois de passar por dois defesas, tirou também o guarda-redes Nyame, camaronês ao serviço do Progresso.

Este resultado foi até ao intervalo do jogo apitado por José Álvaro.

No reatamento, o Progresso apresentou outra predisposição no terreno, com algumas jogadas junto da baliza de Tony Cabaça. Esta intenção foi de pouca dura, e aos 49 minutos Rambe bisou na sua conta pessoal e fez 4-0 para o 1º de Agosto, numa jogada protagonizada do lado esquerdo por Nelson, que isolou Geraldo e este, por sua vez, passou para o autor do golo.

A passagem do septuagésimo nono minuto, o Progresso esteve perto de reduzir, mas o guarda-redes Tony impediu esta ação com uma palmada a bola.

Com este resultado, o 1º de Agosto reassume a liderança com 23 pontos, mais um que o trio constituído por Kasbuscorp do Palanca, Petro de Luanda e Sagrada Esperança da Lunda Norte.

Conteúdo publicado por Sportinforma