Além de ter vencido a Liga Portuguesa de CS: GO, a eXploit manteve-se entre os finalistas da maior parte das competições nacionais e os jogadores da sua equipa deram nas vistas. Com as mudanças de quatro principais equipas de CS: GO portuguesas, apenas a Vodafone Giants não tinha ainda anunciado a sua composição, ou mais ou menos…

É que era dado praticamente como garantido que Renatoohaxx e companhia, que saíram repentinamente da eXploit, iriam a caminho de Espanha para preencher os lugares vagos deixados pelos jogadores que se juntaram aos ex-OFFSET para criar a sAw.

Fox havia sido abordado recentemente sobre a possibilidade de Filipe “NOPEEj” Dias, Bruno “BLOODZ” Mourão e Renato “renatoohaxx” Gonçalves se juntarem a ele na Giants, tendo respondido de forma descontraída que não confirmava, nem desmentia, quase revelando o mais óbvio. Até porque o mesmo ainda não tinha o seu futuro certo na equipa, visto ter em mãos propostas concretas de outras formações estrangeiras. Mas pelos vistos o experiente jogador preferiu manter-se e abraçar o projeto de criar uma equipa com jovens talentos.

Mas então, com Fox e os três jogadores oriundos da eXploit, quem seria o quinto elemento? De forma impressionante, acaba por ser o Cunha, jogador que afinal não saiu da equipa. Quando houve a “limpeza de balneário”, o jogador foi o único que não revelou planos e que não seguiu os companheiros na sAw, e o seu futuro ainda não era conhecido até agora.

Por fim, para treinar a equipa, Vasco “vsk” Meireles regressa à equipa. A Vodafone Giants apresenta assim a equipa que vai defender o título de campeões da Master League Portugal.

A equipa apresenta assim o alinhamento para a próxima temporada:

Ricardo “fox” Pacheco
Filipe “NOPEEj” Dias
Cláudio “Cunha” Cunha
Renato “renatoohaxx” Gonçalves
Bruno “BLOODZ” Mourão

Treinador: Vasco “vsk” Meireles

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.