A equipa do Cuando Cubango Futebol Clube venceu a sua congénere do 1º de Maio de Benguela, por 5 - 4, na marcação de grandes penalidades, depois de empatar a uma bola no final dos 90 minutos do jogo dos 16 avos de final da Taça de Angola, que decorreu no estádio municipal local.

Durante a marcação das grandes penalidades, marcaram para o Cuando Cubango Futebol Clube, Lito, Yoyo, Landrik, Mahinga e Luís, enquanto pelo 1º de Maio de Benguela marcaram Tito, Eliseu, Pik e Ningui.

Entretanto, reagindo no desfecho do desafio, o técnico do 1º de Maio de Benguela, Águas da Silva, lamentou a derrota da sua equipa, mas disse que, a priori, sabia que o jogo seria bastante difícil em função do ritmo competitivo das duas formações.

“ O Cuando Cubango fez 15 jogos no Girabola, enquanto nós viemos de um campeonato provincial sem grande ritmo competitivo. Fizemos uma boa segunda parte, mas infelizmente fomos eliminados nos penalties. Futebol é isso”

Já o técnico do Cuando Cubango Futebol Clube, José Sousa, disse que a sua equipa teve de se empenhar ao máximo para vencer o 1º de Maio de Benguela.

Explicou que o objectivo do Cuando Cubango não passa por ganhar a Taça de Angola, mas que tudo irão fazer para chegar o mais longe possível nesta competição, quiçá mesmo chegar à final.

“Durante os 90 minutos conseguimos marcar quase no fim e eles também marcaram num erro nosso defensivo, mas fomos felizes e ganhamos o jogo e está de parabéns a rapaziada”, disse o treinador.

Com este resultado, o Cuando Cubango apurou-se para os oitavos de final da Taça de Angola.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.