Rigor na gestão financeira e organização administrativa, foram, entre outras, as recomendações do presidente do Conselho de Administração da Endiama.EP, Ganga Júnior, à nova direcção do grupo desportivo Sagrada Esperança, eleitos sexta-feira.

A Empresa Nacional de Diamantes de Angola (Endiama) é a principal patrocinadora do Sagrada Esperança da Lunda Norte.

Para a presente época, a Endiama disponibilizou mais de dois milhões de dólares norte-americanos para o Girabola e a Taça de Angola.

Ganga Júnior considera que o clube tem condições económicas e financeiras para ter bons resultados nas competições em que está inserida e até voltar a conquistar o título de campeão nacional.

“Não entendo como é que o Sagrada Esperança nas últimas épocas ficamos abaixo do quarto lugar, penso que é legítimo começarmos a trabalhar no sentido de sermos campeão nacional, porque temos condição económica e financeira, comparados com grande parte das equipas no Girabola”, sublinhou.

Defende que sendo o Sagrada uma equipa nacional, esteja condicionada e limitada à Endiama, em termos de disponibilidade financeira, por isso é necessário a captação de sócios.

O gestor recomendou a nova direcção a identificar outras modalidades que a médio e longo prazo possam trazer resultados desportivos e económicos para o clube.

Como medida imediata, orientou que se faça um levantamento das infra-estruturas para prática do ténis e das necessidades económicas e financeiras, para um investimento a curto prazo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.