Deco, antigo jogador de clubes como FC Porto, Barcelona e Chelsea, esteve presente, esta terça-feira no Web Summit para abordar o "mindset" de um campeão e aproveitou para falar nos desafios que se encontram quando se começa a preparar o futuro depois do futebol.

"Não me lembro exatamente [de quando começou a pensar no pós-futebol] , mas quando começas a ficar mais velho pelos 30 [anos] começamos a pensar no futuro da nossa carreira. Precisamos de pensar no futuro, eu pelos 32, 33 anos [comecei a pensar no futuro]... acabei aos 36 mas já estava a pensar nisso três anos antes", revelou.

O antigo jogador, que afirma que o final da carreira não é uma decisão de todo fácil, falou ainda do lado mais escuro que encontrou no mundo do 'desporto-rei' depois de abandonar o futebol.

"(...) o lado escuro é quando tentas ajudar um jogador e as vezes é difícil quando vês um jogador não concretizar os seus sonhos, por causa de lesões ou de algo que pare a sua carreira. É difícil para eles e para quem está com eles", afirmou.

Deco, considerou ainda, quando colocado entre o dilema 'felicidade vs dinheiro', que quando se faz o que se gosta, o lado monetário fica em segundo lugar.

"(...) quando fazes o que gostas, o dinheiro vem depois. Primeiro tens de lutar pelos teus sonhos, pela tua família. Os desejos vem depois, primeiro, e é esse conselho que temos de dar os miúdos, temos de ter a motivação e a ambição para chegar lá", explicou.

Por fim, o antigo médio dos 'dragões' deu a sua 'receita' para ter a atitude de um campeão.

"O 'mindset' de um campeão é lutar pelos sonhos, trabalhar por eles, fazer as coisas que não queremos fazer, mas que temos de fazer", concluiu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.