Liga Europa

Depois de, em novembro, Sporting e Sporting de Braga carimbarem a passagem aos 16 avos de final, em dezembro foi a vez de FC Porto e Benfica. Os dragões garantiram o apuramento ao bater o Feyenoord por 3-2 em jogo da sexta e última jornada da fase de grupos da prova europeia. Com este resultado, e beneficiando do empate (1-1) entre o Rangers e o Young Boys, a equipa portuguesa conseguiu o primeiro lugar do Grupo G.

Por seu lado, o Benfica protagonizou a melhor exibição da fase de grupos da Liga dos Campeões e venceu o Zenit por 3-0. Com este resultado, as águias seguiram para os 16 avos de final da Liga Europa.

Sorteio dos oitavos da Champions: Mourinho defronta Leipzig, City mede forças com o Real Madrid, Félix em duelo com o campeão europeu
Sorteio dos oitavos da Champions: Mourinho defronta Leipzig, City mede forças com o Real Madrid, Félix em duelo com o campeão europeu
Ver artigo

Garantido o apuramento, as equipas portuguesas ficaram a conhecer a sua sorte para os dezasseis avos de final da Liga Europa. O Sporting, o único português não-cabeça-de-série, vai defrontar o Istambul Basaksehir.

O FC Porto irá jogar com os alemães do Bayer Leverkusen, enquanto o Benfica vai defrontar o Shakhtar Donetsk. Já o Sporting de Braga irá encontrar o Rangers, que ficou em 2.º lugar no grupo do FC Porto.

Mundial de Clubes

Também neste mês de dezembro, o Liverpool levou a melhor sobre o Flamengo de Jorge Jesus e venceu pela primeira vez na sua história o Mundial de Clubes ao graças a um golo de Firmino, num jogo que teve de ir a prolongamento.

Depois de um nulo que persistiu nos 90 minutos, o internacional 'canarinho' conseguiu finalmente quebrar a resistência do Flamengo aos 99 minutos, marcando o único golo desta final e dando aos britânicos o seu primeiro título, depois de ter falhado em 1981 (Flamengo) e 1984 (Independiente), na altura como Taça Intercontinental, e em 2005 (São Paulo).

O Flamengo falhou assim o seu segundo título, depois de o ter conquistado em 1981, tendo Jorge Jesus sido o primeiro português a disputar uma final de um mundial de clubes.

Bola de Ouro

Dezembro foi ainda o mês em que Lionel Messi venceu a sexta Bola de Ouro da carreira, superando Cristiano, numa cerimónia que teve lugar no Théatre e Châtelet em Paris e foi organizada pela revista France Football. O argentino já tinha vencido o sexto prémio 'The Best', à frente do craque português. Virgil van Dijk tinha ficado na segunda posição. Sadio Mané ficou na quarta posição, Van Dijk foi segundo e Cristiano Ronaldo fechou o pódio.

Antes da Bola de Ouro, foi divulgado o vencedor do 'Golden Boy', que premeia o Melhor Jogador do Mundo com menos de 21 anos. O galardão foi ganho pelo português João Félix, que se tornou no segundo luso a vencer este prémio do jornal italiano 'Tuttosport', a seguir a Renato Sanches.

Messi recebeu a sua sexta Bola de Ouro
Messi recebeu a sua sexta Bola de Ouro

Na mesma cerimónia, Alisson Becker, guarda-redes do Liverpool, foi o vencedor da primeira edição prémio Yachine, que distingue o melhor guardião do ano. Já a norte-americana  Megan Rapinoe sucedeu a Ada Hegerberg e venceu prémio de melhor jogadora feminina. O prémio Kopa, que distingue o melhor jogador de sub-20, foi para Matthijs de Ligt, defesa da Juventus.

Já Cristiano Ronaldo não venceu a Bola de Ouro, mas foi eleito como o melhor jogador da Série A. Mas, o grande destaque do craque português neste mês de dezembro foi o 'voo' de 2,56 metros. Em duelo entre a Juventus e a Sampdoria, após o cruzamento de Alex Sandro, Cristiano Ronaldo saltou de forma incrível, batendo o defesa da Sampdoria,e cabeceando para um golo incrível.

Taça de Portugal

Este mês ficou também definido o lote de oito equipas que segue para os quartos de final da Taça de Portugal. Destaque para a presença do Canelas 2010, o único sobrevivente do Campeonato de Portugal, que eliminou o Sertanense nos oitavos-de-final.

Da II Liga passaram Académico de Viseu (que bateu o Desportivo de Chaves)Varzim (que eliminou o Anadia). Da I Liga continuam Rio Ave (eliminou o Marinhense), Paços de Ferreira (venceu o Sporting de Espinho), Benfica (bateu o Sporting de Braga), FC Porto (eliminou o Santa Clara) e Famalicão (venceu o Mafra).

Dança de treinadores

Tal como tinha acontecido no mês anterior, também em dezembro acumularam-se despedimentos nos principais campeonatos europeus de futebol. Em Inglaterra, o espanhol Quique Flores foi despedido do Watford logo no primeiro dia do mês, menos de três meses depois de ter assumido o comando da equipa e num momento em que esta seguia em 20.º e último lugar na Liga inglesa de futebol.

Apenas quatro dias depois o mesmo aconteceu ao treinador português Marco Silva. Os ingleses do Everton anunciaram a saída do técnico de 42 anos na sequência de uma série de derrotas dos 'toffees', que estavam já na linha de despromoção da Premier League.

O conturbado percurso de Marco Silva: Do Sporting ao Everton, passando pelo Watford
O conturbado percurso de Marco Silva: Do Sporting ao Everton, passando pelo Watford
Ver artigo

Em Itália, a situação não era melhor. Carlo Ancelotti apurou o Nápoles para os oitavos de final da Liga dos Campeões, mas isso não chegou para impedir o despedimento do treinador italiano. Mas, o azar de uns... é a sorte de outros e o despedimento de Ancelotti traduziu-se também no regresso de Gennaro Gattuso ao ativo.

Na I Liga o padrão era semelhante. A meio do mês, Lito Vidigal deixou o comando técnico do Boavista, mas os axadrezados rapidamente arranjaram substituto. Daniel Ramos, que na I Liga já representou Marítimo, Rio Ave e Desportivo de Chaves, assinou um contrato de meia época com o Boavista.

Na mesma altura, o Moreirense dispensou Vítor Campelos, um dia depois de os minhotos terem recebido e vencido por 2-1 o Belenenses SAD. Para o seu lugar, os cónegos chamaram Ricardo Soares, de 45 anos, treinava até ao momento o Sporting da Covilhã, atual sétimo classificado da II Liga portuguesa em futebol.

Modalidades

O primeiro dia do mês trouxe uma grande alegrias aos portugueses quando a seleção portuguesa de Futebol de Praia se tornou tricampeã mundial da modalidade. No Mundial que decorreu em Assunção, Paraguai, a seleção lusa derrotou a Itália por 6-4.

Este ano, Portugal foi ainda campeão da Europa de Futebol de Praia e conquistou a medalha de Ouro nos II Jogos Europeus.

As melhores fotos da semana (30 de novembro a 6 de dezembro)
A emoção de Torres e Jordan depois de confirmado o terceiro título de campeão do mundo de futebol de praia para Portugal. (Photo by NORBERTO DUARTE / AFP) créditos: AFP or licensors

Destaque ainda para a terceira medalha de bronze conquistada pela equipa nacional feminina nos Europeus de Crosse. Com os resultados de Dulce Félix, Salomé Rocha e Susana Francisco a equipa portuguesa subiu ao pódio da pontuação por equipas com 43 pontos, atrás de Irlanda, em 2.º (41 pontos) e Grã-Bretanha, em 1.º (com 26 pontos).

Também em dezembro, a Holanda sagrou-se pela primeira vez campeã do mundo de andebol feminino, ao derrotar a Espanha, por 30-29, numa final decidida com um livre de sete metros no último segundo. Já no encontro de atribuição da medalha de bronze, a Rússia venceu a Noruega, por 33-28, regressando ao pódio 10 anos depois de ter conquistado o seu quarto cetro mundial.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.