Gelson Martins, jogador do Mónaco, confessa-se arrependido do ato irrefletido na partida frente ao Nimes.

Apesar do castigo que o vai deixar de fora dos relvados até ao final de novembro, o extremo garante que vai voltar com toda a confiança.

"Vou voltar mais forte que nunca", garantiu em entrevista ao jornal O Jogo.

Gelson Martins revelou ainda que só ficou de consciência tranquila quando pediu desculpa ao árbitro Mikael Lesage. Na partida frente ao Nimes, Gelson viu o vermelho direto na derrota por 3-1 da sua equipa, após ter empurrado por duas vezes o juíz do encontro, em reação à expulsão do seu colega de equipa Bakayoko.

"Só fiquei em Paz depois de pedir desculpa ao árbitro", disse.

O futebolista internacional português Gelson Martins deverá regressar aos relvados apenas a partir do final de novembro, depois de o comité executivo da Federação Francesa (FFF) congelar o tempo de contagem das suspensões.

“O período entre 13 de março e 30 de junho de 2020 não será incluído no tempo total de suspensão, seja qual for o período ou a data em que foi pronunciado”, indicou o comité executivo da FFF, após uma reunião no início da semana.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.