Robin Van Persie recordou um momento vivido com Louis Van Gaal quando o técnico era o selecionador holandês durante o Mundial de 2014, no Brasil.

Na partida frente à Costa Rica, nos quartos-de-final, Van Gaal queria tirar Van Persie devido ao holandês estar a sentir caibrãs. Mas o avançado recusou-se a sair e Van Gaal não gostou.

"Quando o jogo terminou e nos juntamos junto à linha, ele aproximou-se de mim e bateu-me. Bang! Com a mão bem aberta deu-me uma chapada e disse zangado 'não me voltes a fazer aquilo outra vez'. Olhei para ele completamente atordoado. Depois disse 'agora segues e certifica-te que acertas o penalti'", contou o jogador no livro 'LVG - The Manager and the Total Person'.

Van Persie acertou o penalti e a Holanda seguiu para as 'meias', onde acabou por perder com a Argentina (nos penaltis por 2-4). A 'laranja mecânica' terminou em 3.º lugar depois de vencer o Brasil por 3-0 no jogo do terceiro lugar.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.