Há mais uma conferência de imprensa a fazer furor no Brasil. Este domingo, Sérgio Marucelli, gestor para o futebol do Londrina, clube do estado do Paraná que milita na Série B, arrasou os jogadores da sua equipa, após a derrota na receção ao Operário Ferroviário, por 2-1, no último fim de semana.

O dirigente atirou as culpas para si pelas escolhas que fez, sublinhando que não devia ter contratado alguns jogadores que fazem parte do plantel.

"Em primeiro lugar, quero pedir desculpa aos nossos adeptos pela vergonha que passámos. Perder com as reservas do Operário... A equipa merece cair mesmo. Não culpo tanto os jogadores, culpo a direção e a mim principalmente, por contratar essa porcaria que contratei. Infelizmente nada deu certo, esperava muito mais dos jogadores, amanhã vou fazer uma limpeza. Muitos jogadores vão ser mandados embora", começou por dizer.

"Eu sou culpado, porque há alguns tomei medidas antes, e este ano demorei muito. A gente dá tudo do bom e do melhor. Se fosse jogador, pedia para ir embora, se tivesse vergonha na cara", acrescentou, Marucelli.

Esta terça-feira, o Londrina anunciou a rescisão com os centrais Diogo Silva e Wallace Acioli e do lateral esquerdo Juninho.

O vídeo da conferência de Sérgio Marucelli já se tornou viral.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.