Um penalti, marcado por Milot Rashica aos 90 minutos, evitou a derrota do Werder Bremen no terreno do Eintracht Frankfurt, em jogo da 7.ª ronda da Bundesliga.

Depois da vitória na passada quinta-feira frente ao Vitória de Guimarães, para a Liga Europa, o técnico Adi Hutter voltou a contar com a dupla portuguesa no ataque, formado por André Silva e Gonçalo Paciência.

Mas foi o Bremen o primeiro a marcar, aos 27 minutos, por Davy Klaassen, num golo caricato, após vários ressaltos. 

A equipa de Frankfurt empatou aos 55 num pontapé fantástico de Sebastian Rode.

Aos 88 minutos, André Silva aproveitou uma bola largada pelo guardião contrário após cabeceamento de Gonçalo Paciência para marcar aquilo que seria o golo da vitória.

Mas aos 91 minutos, Milot Rashica converteu um penalti cometido por Hasebe e ditou a divisão de pontos.

O Eintracht Frankfurt continua no 9.º lugar com 11 pontos, o Werder Bremen é 10.º com oito.

Na frente da tabela, o Borussia Mönchengladbach assumiu a liderança, com 16 pontos, ao golear em casa o Augsburgo por 5-1, com tentos do suíço Denis Zakaria (dois minutos), de Patrick Herrmann (oito e 13), do francês Alassane Plea (39) e do também helvético Breel Embolo (83).

O conjunto de Mönchengladbach, que beneficiou, entre outros resultados, do desaire caseiro do ex-líder Bayern Munique (1-2 com o Hoffenheim, no sábado), segue com mais um ponto do que o Wolfsburgo, que hoje bateu em casa o Union Berlim por 1-0.

Um golo do avançado holandês Wout Weghorst, aos 69 minutos, foi suficiente para o anfitrião Wolsburgo ganhar ao conjunto que se estreia na “1. Bundesliga’ e subir ao segundo posto.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.