O Bayer Leverkusen subiu hoje ao segundo lugar na liga alemã de futebol, à condição, à espera dos resultados de um trio de equipas, que ainda não entraram em campo na 23.ª jornada.

A formação de Leverkusen, que vinha de uma derrota em casa do Hertha Berlim, venceu na visita ao ‘aflito’ Hamburgo (17.º), por 2-1, e passou a somar 38 pontos, os mesmos do Leipzig, de Bruma, que visita na segunda-feira o Eintracht (36 pontos).

Na expectativa de uma subida à vice-liderança está ainda o Borussia Dortmund (37 pontos), do também internacional português Raphael Guerreiro, que no domingo visita o Borussia Moenchengladbach.

Hoje, em Hamburgo, o Bayer Leverkusen teve sempre o jogo nas ‘mãos’, chegando a uma vantagem de dois golos, por Bailey (40 minutos) e Havertz (50), com a equipa da casa a reduzir aos 70, por Hahn.

Muito confortável na frente continua o campeão Bayern Munique, apesar dos sustos que ‘volta e meia’ provoca nos seus adeptos.

A equipa liderada por Jupp Heynckes venceu por 2-1 no terreno do Wolfsburgo, mas só deu a volta ao marcador já nos descontos, de grande penalidade.

Um golo de Didavi, aos oito minutos, foi o grande susto para os bávaros, com o Bayern Munique – que ainda viu Robben falhar uma grande penalidade aos 56 -, a garantir a vitória graças aos golos de Sandro Wagner (64) e Lewandowski (90+1, de penálti).

Em outros jogos da ronda, que hoje ainda tem a receção do Schalke ao Hoffenheim, o Friburgo venceu o Werder Bremen, com um golo solitário de Petersen (24 minutos), e o Colónia, última classificada, empatou em casa com o Hannover (1-1).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.