Depois de uma paragem de quase um mês, a Bundesliga está de volta e logo com um Leverkusen-Bayern a abrir o apetite para a 18.ª jornada. Os bávaros, líderes com 41 pontos, visitam esta sexta-feira o quartos classificado, com 28, duelo que poderá levar a algumas mudanças na tabela classificativa. Isto porque existem apenas dois pontos a separar o sexto do segundo lugar.

E por falar em segundo lugar, o Schalke, equipa que está a 11 pontos do Bayern, visita o reduto do RB Leipzig – quinto classificado -, equipa que tem sido alvo de muita especulação relativamente à saída de Naby Keita para o Liverpool já em janeiro.

Nesse sentido, a AFP escolheu cinco motivos pelos quais não deve deixar de assistir ao regresso da liga alemã este fim de semana, numa jornada que promete ser entusiasmante.

A surpresa de Aubameyang

A continuidade de Pierre-Emerick Aubameyang no Borussia Dortmund está em causa, mas enquanto o mercado de inverno não fecha, o avançado gabonês tem protagonizado um intenso duelo com Robert Lewandowski (Bayern) pela liderança dos melhores marcadores do campeonato.

Aubameyang, de resto, está apenas a dois golos dos 100 na Bundesliga, algo que poderá acontecer já este domingo, na receção ao Wolfsburgo. O jogador até contou que está a planear “uma surpresa” para esse momento.

Neste momento, o avançado do Dortmund soma 13 golos na presente temporada para o Campeonato, menos dois que Lewandowski. Para além disso, muito se tem falado sobre a saída do jogador para o futebol chinês - Guangzhou Evergrande e Beijing Guoan são os interessados.

A estreia de Pjaca

Outro dos motivos de interesse para esta jornada da Bundesliga prende-se com a estreia de Marko Pjaca no Schalke, depois de ter sido emprestado pela Juventus até final da temporada.

O croata, de 22 anos, já se estreou a marcar para a equipa de Gelsenkirchen na vitória por 2-1 sobre o Genk, jogo de caráter amigável, mas o encontro com o Leipzig deste sábado será o grande teste.

Domenico Tedesco, treinador do Schalke, parece satisfeito com o que já viu de Pjaca. "Marko tem muitas qualidades e é opção para começar o jogo contra o Leipzig,", disse.

Keita de saída?

Com o espectro da saída de Naby Keita para o Liverpool a ganhar cada vez mais força, o RB Leipzig procura regressar às vitórias em casa, depois de uma sequência de cinco jogos sem qualquer triunfo em dezembro.

Com Timo Werner de regresso à competição, as atenções na Red Bull Arena vão estar centradas em Keita. Já garantido pelo Liverpool para a próxima temporada, o médio poderá, contudo, chegar mais cedo a Anfield, a fim de colmatar a saída de Philippe Coutinho para o Barcelona.

Esta quinta-feira, o treinador do RB Leipzig, Ralph Hasenhuettl, assegurou que o internacional da Guiné Conacri não sairá até ao final da época e que vai a jogo frente ao Schalke.

Kalou com fome de golos

Salomon Kalou, avançado do Hertha Berlim, será outro jogador a ter em conta este sábado, na visita ao terreno do Estugarda. O jogador, de 32 anos, vencedor da Liga dos Campeões pelo Chelsea em 2012, está de pontaria afinada ao apontar quatro golos em três jogos consecutivos no último mês.

A 10 de dezembro, Kalou saltou do banco para empatar a partida com o Augsburgo no tempo de compensação, ao qual juntou mais dois golos três dias depois, na vitória por 3-1 sobre o Hannover.

Na jornada seguinte, o atacante voltou a fazer o gosto ao pé no triunfo por 3-2 sobre o RB Leipzig. Resta saber se dará sequência ao bom momento esta jornada...

A oportunidade do Gladbach

Sexto classificado com 28 pontos, o Borussia Moenchengladbach parece estar em maus lençóis no Campeonato, mas não é bem assim, uma vez que a vice-liderança está apenas a dois pontos.

A visita ao Colónia, no próximo domingo, será uma boa oportunidade para ganhar terreno aos adversários diretos. Até para fazer esquecer o registo de apenas uma vitória nos últimos cinco jogos do Gladbach, isto depois do surpreendente triunfo sobre o Bayern (2-1), no final de novembro.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.