O selecionador de futebol da Guiné-Bissau, Baciro Candé, disse hoje que a sua equipa vai fazer tudo o que estiver ao seu alcance para dignificar a bandeira e o país na Taça Africana das Nações (CAN2019).

"Vamos fazer tudo o que estiver ao nosso alcance para dignificar a nossa bandeira e Nação", afirmou Baciro Candé.

O selecionador guineense falava aos jornalistas no final de uma cerimónia na Presidência da República, durante a qual o chefe de Estado, José Mário Vaz, entregou a bandeira do país ao futebolista Zezinho.

"A seleção está preparadíssima. Sabemos das dificuldades, e responsabilidades que temos acrescidas, mas tudo faremos para vir de cabeça bem levantada e com o nosso país bem representado", salientou o treinador.

A equipa viaja hoje ao final do dia para o Egito, palco da CAN2019, de 21 de junho e 19 de julho.

Na CAN2019, a Guiné-Bissau está no Grupo F e estreia-se na competição em 25 de junho, contra os Camarões, jogando depois, no dia 27, com o Benin, e em 02 de julho, com o Gana.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.