O detentor do título River Plate deu terça-feira um passo importante rumo à final da edição 2019 da Taça dos Libertadores em futebol, ao vencer em casa o rival Boca Juniors por 2-0, na primeira mão das meias-finais.

A formação da casa entrou a dominar e conquistou um penálti logo aos três minutos, numa falta de Más sobre Borré que o arbitro brasileiro Raphael Claus só descortinou depois de consultar as imagens do videoárbitro.

A marcação de grande penalidade tem dado que falar e, agora, foi a vez de Diego Maradona dar a sua opinião. Em declarações à estação argentina TyC Sports, Maradona referiu que "o River Plate até podia ter ganho por 5-0, isso é verdade. E dou os parabéns a Gallardo, porque tem uma grande equipa. Mas não foi penálti."
De seguida, Maradona deixou ainda criticas ao VAR. "Quantas vezes Cascini disputou uma bola no meio do relvado com bola e tornozelo? O problema é que quem está no VAR nunca jogou futebol. Não nego que o River tenha sido superior e que tenha uma grande equipa, mas não foi penálti", concluiu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.