Diego Armando Maradona disse, esta segunda-feira, que a CONMEBOL devia declarar o Boca Juniors como vencedor da Taça Libertadores da América.

Ídolo na Bombonera, depois de duas passagens pelo Boca (1981-82 e 1995-97), Maradona falou sobre a polémica final, na sua conta no Instragram. A partida da segunda-mão da final entre o Boca Juniores e o River Plate foi suspensa depois de os adeptos do River terem atacado o autocarro do Boca, poucas horas antes do jogo.

"Espero que a CONMEBOL atue de maneira séria e declare o Boca Juniors como campeão da Libertadores", escreveu Maradona.

O Boca Juniores pediu para a confederação declarar o clube como campeão por não poder disputar o jogo da segunda-mão por conta das lesões sofridas pelos jogadores que foram atingidos por estilhaços de vidro. O autocarro da equipa foi apedrejado nos arredores do estádio Monumental.

"Eu gosto de ganhar no campo, mas quando não se respeitam as regras é preciso ter uma punição. E essa punição é declarar o Boca campeão", acrescentou Maradona.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.