O presidente da UEFA, Michel Platini, felicitou hoje a Espanha, pelo terceiro título consecutivo, e todos os que contribuíram para que a fase final do Euro2012 de futebol fosse “um evento único, que deixou um importante legado”.
«Parabéns à Espanha e à federação de futebol. Ganhar o terceiro título consecutivo em competições de seleções foi um feito sem precedentes. Parabéns também à Itália, uma brilhante finalista, e a todos os que contribuíram para o sucesso do Euro2012», afirmou Platini, citado pelo sítio da UEFA na Internet.
O antigo internacional francês agradeceu «aos jogadores e treinadores, aos árbitros – que não tiveram influência nos resultados -, e aos adeptos que estiveram dentro e fora dos estádios».
Platini considerou que o futebol europeu «pode estar orgulhoso com a imagem deixada no torneio, marcado por jogos de grande qualidade técnica», e enalteceu o espírito de todos os adeptos, elogiando em particular os da República da Irlanda que classificou como «um exemplo de apoio, mesmo na derrota».
O presidente da UEFA agradeceu também aos dois países organizadores – Polónia e Ucrânia – que «tudo fizeram para que o torneio fosse um sucesso, apesar de alguns considerarem isso impossível».
A Espanha revalidou o título europeu, que juntou ao mundial conquistado em 2010, ao derrotar na final, arbitrada pelo português Pedro Proença, a Itália por 4-0.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.