A seleção portuguesa de futebol de sub-19 falhou hoje a revalidação do título europeu, ao perder por 2-0 com a congénere da Espanha, na final do Campeonato da Europa do escalão, disputada em Erevan.

No final da partida, Filipe Ramos, treinador dos sub-19 lusos, reconheceu mérito à equipa vencedora.

“[Quero] Dar os parabéns à Espanha, que foi um digno vencedor, fomos um digno vencido, mas não fizemos o jogo que queríamos. Eles foram melhor do que nós, ganharam e estamos muito tristes. Não conseguimos equilibrar o jogo em alguns momentos", começou por dizer o técnico à RTP.

"Eles tiraram-nos alguns momentos a bola, obrigaram-nos a baixar, estivemos equilibrados até ao golo, mas a partir do golo tiveram domínio e na segunda parte, com o 2-0, sentiram que estava quase ganho. Tivemos a oportunidade de fazer o 2-1, não o conseguimos e depois lutámos até ao fim. Fizemos um campeonato fantástico, mas a Espanha hoje foi melhor", observou.

Apesar da derrota, Filipe Ramos diz-se "orgulhoso" dos seus jogadores.

"Gostamos de formar a ganhar e gostamos de estar em todas as finais, pois estamos mais perto da vitória, queríamos revalidar o título, mas não conseguimos o objetivo final. Foi um Europeu fantástico, estou orgulhoso dos jogadores", vincou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.