O internacional português Bernardo Silva, do Manchester City, foi hoje decisivo na recuperação dos 'citizens' na deslocação ao terreno do Swansea nos quartos de final da Taça de Inglaterra, onde arrancaram uma vitória ao cair do pano (3-2).

A formação da casa chegou com surpresa a uma vantagem de dois golos sem resposta, primeiro, através de um penálti batido com sucesso com sucesso por Matt Grimes (20 minutos), e pouco depois, o kosovar Bersant Celina - que fez boa parte da sua formação no City - finalizou com mestria uma jogada rápida de contra-ataque.

O intervalo chegou com o resultado fixado nos 2-0, e Pep Guardiola, treinador dos homens de Manchester, avançou com uma dupla substituição aos 57 minutos: Oleksandr Zinchenko e Raheem Sterling entraram para os lugares de Fabian Delph e de Leroy Sane, respetivamente.

Ainda assim, foi a terceira mexida no City que abanou com o jogo, com Sergio Aguero a ter um papel decisivo na cambalhota do marcador. Apenas cinco minutos depois de entrar em campo, o argentino assistiu dentro da área Bernardo Silva e o português, apesar de ter pouco ângulo para a baliza, rematou forte e cruzado e fez mexer as redes do Swansea pela primeira vez na partida.

Os visitantes foram ganhando cada vez mais ascendente e o segundo golo surgiu após Aguero ter batido uma grande penalidade com a bola a bater no poste e depois a ressaltar no pé do guarda-redes do Swansea, o sueco Kristoffer Nordfeldt, e a entrar na baliza.

Estava feito o empate que durou até dois minutos dos 90 minutos, quando Bernardo Silva recebeu uma bola no flanco esquerdo do ataque e cruzou na direção da cabeça de ‘Kun’ Aguero, que não perdoou e, evitando o prolongamento, deu ao City o apuramento para as meias-finais.

Antes, já o Watford tinha feito valer o fator casa diante do Crystal Palace (2-1), com os golos da formação caseira a surgirem por intermédio de Etienne Capoue (27 minutos) e de Andre Gray (79 minutos). O golo dos visitantes foi marcado aos 62 minutos pelo belga Michy Batshuayi, mas foi insuficiente para assegurar a permanência em prova do Crystal Palace, que vê o oponente Watford avançar para as meias-finas.

O Wolverhampton joga ainda hoje em casa contra o Manchester United e o Millwall (último resistente do segundo escalão em prova) recebe o Brighton no domingo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.