A futebolista internacional portuguesa Cláudia Neto despediu-se hoje do Wolfsburgo, depois de três temporadas no clube alemão, com a conquista de três Bundesliga e três Taças da Alemanha.

“Obrigada por estes dois anos e meio. Digo adeus a um grande clube, com seis títulos e o sentimento de que atingi os meus objetivos”, escreveu a internacional portuguesa na rede social Instagram.

Cláudia Neto, de 32 anos, capitã da seleção portuguesa, não estará já na Liga dos Campeões feminina, esta época reformulada devido à pandemia da covid-19, com os quartos de final, meias-finais e final em Espanha, a uma única eliminatória.

Em declarações à agência Lusa, Cláudia Neto confirmou que não estará em agosto na ‘Champions’, razão pela qual comunicou agora a sua saída, com a promessa de em breve poder indicar o seu futuro clube e um novo compromisso na carreira.

“Infelizmente, não vou poder estar na Champions […]. Daí, a minha despedida”, revelou a futebolista.

Na nota publicada no Instagram, a médio acrescentou que “é tempo de carregar baterias para uma nova etapa”.

A internacional, considerada uma das melhores jogadoras portuguesas da atualidade e já nomeada para a melhor equipa do mundo pela FIFpro, em 2017, e para as 100 melhores do ano de 2018, pelo The Guardian, tem feito quase toda a carreira no estrangeiro.

Em Portugal, a médio representou apenas o União de Lagos (futsal), e aos 18 anos, em 2008/09, rumou ao Prainsa Zaragoza, já em futebol, no qual esteve cinco épocas, antes de jogar nas suecas do Linkoping (2014/17) e, recentemente, no Wolfsburgo (2017/2020).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.