O diretor técnico do PSV Eindhoven revelou, esta quarta-feira, que a contratação de Bruma foi a "mais difícil" que fez, face à concorrência que teve do FC Porto.

O internacional português, recorde-se, esteve muito perto de rumar aos 'dragões', mas acabou por ser desviado pelo clube holandês, que pagou 15 milhões de euros ao Leipzig.

"O Bruma estava confuso. Havia muita competição pela sua contratação, especialmente da parte do FC Porto, que estava realmente interessado", começou por dizer John de Jong à imprensa local.

"Mesmo quando já tínhamos tudo acertado, o FC Porto ofereceu mais dinheiro. Ele [Bruma] começou a duvidar, não por isso, mas porque quer voltar à seleção. Fui ter com ele, não o larguei e 'arrastei-o' até ao avião para Eindhoven", explicou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.