João Aroso, treinador dos sub-20 de Marrocos, está entre as dezenas de portugueses que procuram sair do país para regressar a casa, na sequência da suspensão dos voos internacionais decretada pelo governo marroquino, no sábado.

O técnico, que está retido em Rabat, aguarda por uma autorização da Federação para sair do país.

"Pedi autorização mas não me foi dada. Alegam que há mais estrangeiros a trabalhar na Federação e que [a autorização] teria de ser extensível a todos. Não quis sair à revelia, apesar de ter a família em Portugal", afirmou João Aroso à SIC Notícias.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.