Ricardo Gareca, selecionador peruano, admitiu que não ficou satisfeito com a saída de André Carrillo para o Al-Hilal de Jorge Jesus.

O extremo peruano, recorde-se, está emprestado ao emblema saudita pelo Benfica, depois de uma temporada cedido ao Watford.

"Na minha opinião, o Carrillo estava destinado a coisas mais importantes. Não quero tirar crédito ao campeonato da Arábia Saudita, que é o mais competitivo daquela zona. Preferia que ele tivesse continuado em Inglaterra. Depois de um Mundial onde foi um dos jogadores mais desequilibradores, devia ser pretendido por uma grande quantidade de equipas, porque nem toda a gente tem jogadores com as suas características", afirmou Gareca, em declarações à Movistar Deporters.

"Se me tivesse questionado, daria a minha opinião. Vamos manter-nos atentos e se mantiver o nível que mostrou no Mundial, não haverá problema", acrescentou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.