Depois de três empates consecutivos, o tricampeão nacional 1º de Agosto tenta neste domingo mudar o rumo dos acontecimentos, com uma vitória, quando receber o Sporting de Cabinda, às 17 horas, no estádio 11de Novembro, em jogo da 10ª jornada do Campeonato Nacional de futebol da primeira divisão (GirabolaZap2018/19).

Os 'militares', líderes com 16 pontos, nos últimos três desafios empataram com o Progresso, Libolo e Saurimo, curiosamente pelo mesmo resultado (0-0), situação que pretendem inverter, para não ficarem distantes dos seus objectivos, que passam pela conquista do quarto campeonato consecutivo.

A confirmação dessas aspirações vem do técnico adjunto rubro-negro, Ivo Traça, que lançou o desafio hoje em conferência de imprensa, tendo realçado que será um jogo de muita responsabilidade, uma vez que desejam se manter na liderança.

O adjunto de Dragan Jovic admitiu que vão encontrar muitas dificuldades, porque é um adversário que sempre deu muita réplica, prova disse são os dois rigorosos empates a zero impostos ao 1º de Agosto na edição transacta.

Para este encontro diante dos leões do Norte (sétimos, com 12 pontos), a formação do Rio Seco não vai contar com o avançado Jacques, lesionado.

O congolês junta-se ao nigeriano Ibukun e ao angolano Natael, que regressam à competição apenas na segunda volta, conforme confirmou Remberto Pérez, do corpo médico da equipa.

Os dois futebolistas já não jogam a vários meses, por lesão.

Os militares realizaram hoje a penúltima sessão de treino em que ficou pautado pelos aspectos defensivos e ofensivos, mas com o principal realce o sistema ofensivo, tendo em conta a ineficácia nas concretizações de golos, sobretudo nas últimas partidas.

Em termos estatísticos, os "Agostinos", em oito jogos, venceram quatro, igual número de empates. Marcaram 11 golos e ainda não sofreram.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.