O presidente do Sporting de Cabinda revelou que o clube precisa de 275 milhões de Kwanzas para manter a equipa de futebol no Campeonato de Angola. Manuel Coelho, após encontro com o governador da província, Eugénio Laborinho, e empresários locais deu a conhecer a situação da equipa de Cabinda
Segundo o presidente, o montante servirá para custear as despesas inerentes à transportação, salários e prémios de jogos dos atletas. Manuel Coelho explicou ser o orçamento apresentado extra ao patrocínio que a coletividade recebe anualmente pela Sonangol.

“O que apresentamos é o orçamento que necessitamos para a participação do clube no Girabola'2018 que envolve todas as despesas e liquidação de salários durante a época”.

A agremiação foi fundada dia 25 de agosto de 1925 com a denominação de Sporting Clube de Cabinda. Posteriormente passou a designar-se Sporting Petróleos de Cabinda e finalmente Sporting de Cabinda.

A sua última presença no Girabola registou-se em 2015, tendo se qualificado este ano (2017) para a divisão maior do futebol nacional após participação no campeonato provincial da segunda divisão.

Na primeira jornada do Girabola'2018, o Sporting de Cabinda recebe a Académica do Lobito.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.