Com as atenções viradas para o Brasil, onde quinta-feira iniciou o campeonato do mundo de futebol, em Angola a décima quinta e última jornada da primeira volta do Girabola2014 é disputada no fim-de-semana, com destaque para o 1º de Agosto-Petro de Luanda em pleno período de cacimbo.

O confronto entre “militares” e “petrolíferos” está a ser aguardado com particular expectativa, a julgar pelos resultados positivos produzidos nas rondas anteriores.

Depois do mau início da prova, os dois conjuntos estão na fase de recuperação das suas posições na tabela de colocação geral, onde já chegaram de ocupar lugares modestos. O 1º de Agosto ocupa o quinto posto com 22 pontos, mais dois que o Petro, no sétimo lugar.

Na temporada anterior, os "militares" ganharam por 1-0, na primeira volta, enquanto os petrolíferos triunfaram (2-0) no segundo turno.

Outro encontro de destaque vai opor o líder Recreativo do Libolo ao Benfica de Luanda, terceiro da tabela, na vila de Calulo, numa partida que também está despertar certo interesse, face a posição que cada um ocupa.

Os dois conjuntos já partilharam a liderança com 20 pontos depois da disputa da oitava jornada desta competição, quando o Libolo quebrou a invencibilidade ao Kabuscorp do Palanca, em Calulo e os “encarnados” ganharam ao Recreativo da Caála do Huambo, curiosamente pelo mesmo resultado (1-0).

Na tabela classificativa, o Libolo comanda com 38 pontos, mais nove que os “encarnados” da capital, no terceiro posto.

O Kabuscorp do Palanca, segundo com 29 pontos, defronta o Progresso do Sambizanga, oitavo com 19. Os dois conjuntos vêm de resultados negativos da ronda anterior.

A formação do Palanca (campeã nacional) perdeu para o Petro, enquanto os sambilas foram superados no seu reduto pelo Sporting de Cabinda.

O FC Bravos do Maquis do Moxico, quarto com 23 pontos recebe o 1º de Maio de Benguela, 15º com sete. Ambos foram derrotados na jornada passada nas suas deslocações ao Huambo e Luanda, respetivamente, ante Recreativo da Caála e Atlético Sport Aviação (ASA).

O Sagrada Esperança da Lunda Norte, depois do triunfo sobre o Interclube, na capital do país, nesta derradeira jornada recebe o Benfica do Lubango, que sofreu uma goleada, no seu reduto, diante do 1º de Agosto (0-5).

Os diamantíferos que ocupam o sexto lugar com 21 pontos, estão em posição privilegiada para superarem os “encarnados” das terras altas da chela (14º - 9 pontos).

O Atlético Sport Aviação (ASA), a atravessar uma boa forma desportiva desde que o técnico Sami Matias assumiu o comando da equipa em substituição de Ernesto Castanheira, terá a visita do União Sport do Uíge. Os aviadores somam 16 pontos, em décimo contra sete do opositor que carrega a lanterna vermelha da competição.

Na cidade do Lubango, o Desportivo da Huila será anfitrião do Recreativo da Caála do Huambo, num confronto que se aguarda equilibrado a julgar pela diferença de três pontos (14-17) que separa os dois conjuntos, que estão em 13º e nono postos respetivamente.

O estádio do Tafe, em Cabinda, vai testemunhar o confronto entre o Sporting local e o Interclube. As duas equipas vêm de resultados diferentes.

Os Leões empataram (1-1) na deslocação ao terreno do Benfica da capital, enquanto os polícias foram derrotados em pleno 22 de Junho.

O Sporting soma 15 pontos, em 12º, enquanto o Interclube está na décima primeira posição com 16.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.