O técnico do Desportivo da Huíla, Ivo Raimundo Traça, afirmou esta quarta-feira, no Lubango, que a sua equipa entrará cautelosa e serena, no sentido evitar o fator ansiedade que poderá ditar um resultado menos satisfatório, este domingo, no jogo da 26ª jornada do Girabola, diante do Sporting de Cabinda, no Lubango.

Em declarações à Angop, no final de mais um treino realizado no estádio de Nossa Senhora do Monte, arredores do Lubango, o treinador disse que o Sporting de Cabinda é uma equipa que sabe jogar em contra-ataque, por isso estabeleceram-se medidas no sector defensivo.

Segundo ele, a sua equipa entra bem nos jogos, mas em certas ocasiões, devido a ansiedade, não consegue concretizar os lances em golo e as vezes deixa marcar por falta de atenção da linha defensiva.

Ivo Traça apontou os aspetos defensivos e intermédios como fundamentais para que o Desportivo da Huíla saia vitorioso e dê um importante passo rumo a permanência.

“O Sporting de Cabinda está numa posição menos boa na tabela classificativa e poderá trazer problemas para a nossa equipa e é nisto que estamos a trabalhar para não sermos surpreendidos”, realçou.

Sobre estado de saúde do conjunto “Militar da Região Sul”, o timoneiro referiu que o mesmo está bem, só não vai contar com os préstimos do avançado Chiquinho, por lesão, do central Chiwe, que cumpre castigo disciplinar, enquanto o médio ofensivo Dany Traça já poderá jogar, depois de três meses parado devido a lesão.

O Desportivo da Huíla ocupa a nona posição na tabela classificativa com 29 pontos, enquanto o Sporting de Cabinda esta no 13º lugar com 26 pontos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.