Com golos do defesa central Bonifácio, de cabeça, e do avançado Kémbua, de penalti, o Desportivo da Huíla, venceu, hoje, no estádio do Ferrovia, no Lubango, o JGM do Huambo, por duas bolas a zero, em partida referente a terceira jornada do Girabola/Zap.

A equipa de casa entrou com confiança e o adversário ripostou com atrevimento, o que lhe custou caro.

O primeiro aviso dos “militares” surgiu aos dez minutos, num lance em que o médio Bruno passou pela defesa e fez um cruzamento para Kémbua, mas este atirou para fora.

Outras oportunidades surgiram e foram desperdiçadas e quando se pensava que ir ao intervalo empatado, num arremeço manual longo de Joãozinho, o defesa central Bonifácio, aos 44 minutos, de cabeça inaugurou o marcador, resultado em que acabou a primeira parte.

No Reatar o JGM foi a equipa mais atrevida e logo nos 57 minutos Rafa poderia ter empatado à partida, permitindo a defesa apertada de Nuno.

Ainda assim foi o Desportivo da Huíla, por Joãozinho, o mesmo Joãozinho de que assistiu o golo da primeira parte, que rematou á baliza e Joka travou com a mão, na grande-área e o árbitro não teve dúvidas, assinalando o castigo máximo que Kémbua converteu 63 minutos.

Com este resultado o Desportivo da Huíla passa a somar quatro pontos e o JGM um.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.