O Petro de Luanda venceu este sábado, na capital do país, no estádio 11 de Novembro, o Recreativo da Caála (3-0), em jogo da 22ª jornada do Campeonato Nacional de Futebol da Primeira Divisão (Girabola).

Com este resultado, a turma petrolífera fez 47 pontos e aumentou para cinco a vantagem pontual para o segundo classificado, o 1º de Agosto, que joga apenas domingo (01), frente ao Cuando Cubango FC.

Os golos da equipa do “eixo-viário” foram anotados por  Yano, aos quatro minutos, Tony (65’) e Dany (86’).

Desde cedo, os “tricolores” mostraram ser um conjunto mais sólido e superioridade ao adversário, abrindo o marcador logo aos  quatro minutos por intermédio Yano, depois de receber um passe de Job.

A formação de Luanda teve ainda possibilidade de dilatar o marcador na primeira parte da contenda por Picas, que desperdiçou uma jogada combinada com o avançado brasileiro Tony.

A equipa da Caála fez a sua primeira jogada de perigo só aos 31 minutos, quando Maninho recebeu um passe isolado na área, mas atirou ao lado da baliza defendida Elber.

No reatamento do jogo, o avançado do Caála Careca teve chance de igualar o marcador, quando dentro da área atirou para cima da barra do Petro de Luanda.

Volvidos 65 minutos, Job fez um cruzamento e a bola embateu na mão de um contrário dentro da área e o árbitro da partida, António Dungula, assinalou grande penalidade. Chamado a cobrar, Tony fez o segundo golo do Petro.

Já na recta final do desafio, Dany na sequência de um livre de fora de área dilatou a vantagem para  3-0, resultado registado na partida.

Com esta vitória, o Petro de Luanda soma 47 pontos, na primeira posição, ao passo que a Caála continua na 10ª posição com 21 pontos.

Na próxima jornada, a formação do “eixo-viário” vai visitar o Cuando Cubango FC, sábado (7), enquanto o Recreativo da Caála receberá o Recreativo do Libolo, sexta-feira (6).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.