O técnico-adjunto da Académica do Lobito, António Lopes 'Chibi', protestou hoje o penálti que originou o golo da vitória do Kabuscorp do Palanca, por 1-0, considerando uma decisão infeliz do trio de arbitragem encabeçado por Airton Carmelino.

“Nunca me atirei contra os árbitros, mas esse lance [penálti] foi uma decisão péssima desse trio de arbitragem”, disse a jornalistas o técnico Chibi, reagindo à derrota da Académica do Lobito, após o jogo da 21ª jornada do Girabola, disputado no Estádio Nacional de Ombaka.

O adjunto de Júnio Paulino, técnico da Académica, salientou que a sua agremiação luta bastante e que, por isso, não merecia perder injustamente, mas frisou que o melhor agora é olhar para frente.

Ainda acrescentou que, apesar do pouco tempo que resta, a equipa tem de recuperar tendo em vista a deslocação terça-feira a Luanda, para no dia seguinte (quarta-feira) defrontar o Interclube, no jogo da 22ª jornada do Girabola.

Questionado sobre os últimos resultados menos bons da Académica, Chibi não disfarça a preocupação da equipa técnica, mas promete um conjunto sempre lutador na tentativa de conseguir os pontos necessários para fugir da zona perigosa.

A estratégia, segundo ele, passa por aproveitar principalmente os jogos com os adversários do campeonato da Académica e, com isso, fazer o maior número de pontos possível.

O treinador-adjunto adianta, também, que a equipa lobitanga debate-se neste momento com a falta de um ponta-de-lança “goleador”, o que está na base do fraco rendimento do setor ofensivo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.