SAPO Desporto

Ao minuto

  • 86'
     
  •  
    84'
  • 79'
     
  • 79'
     
  •  
    79'
    Atl. Madrid: Tiago é expulso com vermelho directo!
  •  
    74'
  •  
    60'
    Golo do Atl. Madrid! Passe longo de Diego para a direita, onde Adrian "mata" no peito e remata cruzado junto ao ângulo.
  • 57'
     
  •  
    36'
  •  
    93'
     
    Final da partida!
  •  
    93'
     
    O Valência quase empata, mas Godin, em cima da linha-de-golo, corta o remate de Mathieu!
  •  
    84'
     
    Remate forte de Tino Costa, mas Courtois estava atento e defendeu!
  •  
    80'
     
    Entretanto, o árbitro Damir Skomina, após falar com o seu assistente, recuou na decisão e não vai mandar marcar penálti. Corrigiu o erro a tempo...
  •  
    76'
     
    Mas as imagens mostram que o toque não foi de Tiago, mas sim de Tino Costa, jogador do Valência. Erro crasso do árbitro!
  •  
    76'
     
    Penálti para o Valência!
  •  
    66'
     
    Há mais Atl. Madrid na segunda parte...
  •  
    64'
     
    Falcao quase faz o segundo, só que Diego Alves defendeu o remate rasteiro com os pés!
  •  
    63'
     
    Jogada individual de Turan, a culminar com um remate de ângulo difícil, para grande defesa de Diego Alves!
  •  
    50'
     
    Cruzamento perigoso da direita, mas para as mãos de Courtois.
  •  
    46'
     
    Recomeça a partida. Posse de bola para o Atl. Madrid.
  •  
    45'
     
    Intervalo.
  •  
    45'
     
    Mais um remate de Canales, para excelente defesa de Courtois!
  •  
    41'
     
    Falha de Ricardo Costa, que permite a Falcao interceptar, só que perante a chegada de Diego Alves,o colombiano falha o remate e fica sem a bola!
  •  
    40'
     
    Contra-ataque do Atl. Madrid, com Turan a servir Falcao, mas Diego Alves chega primeiro e agarra a bola!
  •  
    39'
     
    Remate cruzado de Canales, para boa defesa de Courtois, a ceder canto!
  •  
    36'
     
    Falcao, a principal referência ofensiva dos "colchoneros", tem estado muito apagado.
  •  
    32'
     
    Cruzamento de Barragan, para desvio de cabeça de Soldado, ao lado do poste.
  •  
    28'
     
    Feghouli, em zona frontal, remata à baliza, mas a bola sai ao lado...
  •  
    27'
     
    Muita pressão do Valência, mas sem resultados práticos, já que falha o último passe.
  •  
    22'
     
    Soldado, na grande área, atira por cima a bola cruzada por Barragan.
  •  
    20'
     
    Grande oportunidade para o Valência, com Jonas a desviar um remate de Jordi Alba para grande defesa de Courtois, que depois ainda deteve a recarga do mesmo jogador!
  •  
    19'
     
    Remate de Canales na área, mas Juanfran corta para canto.
  •  
    13'
     
    remate forte de Turan, com a bola a passar ligeiramente por cima!
  •  
    12'
     
    Jonas aproveita uma bola solta, depois de queda de Canales na área, e remata em jeito, mas para as mãos de Courtois.
  •  
    5'
     
    Remate rasteiro de Diego, mas muito fraco, com Diego Alves a segurar sem problemas.
  •  
    3'
     
    Sinal mais para o Valência neste início de partida, ainda que sem lances de perigo.
  •  
    1'
     
    Começa a partida! Posse de bola para o Valência.
  •  
     
    Qualquer que seja o resultado no Mestalla - e mesmo que o Sporting seja eliminado em Bilbau -, a final da Liga Europa, em Bucareste, terá sempre portugueses no elenco; ou Tiago, Sílvio e Pizzi, que alinham no Atlético de Madrid, ou Ricardo Costa e Miguel, do Valência.
  •  
     
    O árbitro da partida é Damir Skomina (Eslovénia).
  •  
     
    Resultado da 1ª mão: Atl. Madrid 4-2 Valência
  •  
     
    Em 2010/11, as meias-finais da Liga Europa apresentaram três equipas portuguesas e uma espanhola. Esta época, a situação inverteu-se, com três clubes espanhóis e um português.
  •  
     
    Das últimas nove edições da prova, quatro foram conquistadas por equipas espanholas e duas por portuguesas.
  •  
     
    Quem vencer esta eliminatória será designado como equipa visitada na final de 9 de Maio, marcada para a Arena Nacional de Bucareste.
  •  
     
    Caso o Atlético consiga o apuramento, a final será o 100º encontro dos "colchoneros" na Taça UEFA e Liga Europa.
  •  
     
    Somente Jonas participou em todos os sete encontros do Valência desde os 16 avos-de-final.
  •  
     
    O guarda-redes Thibaut Courtois jogou, no entanto, mais minutos, uma vez ter disputado os 1080 minutos das suas 12 partidas.
  •  
     
    Adrián López e Falcao são os únicos jogadores que participaram em todos os 13 jogos do Atlético desde o início da fase de grupos, tendo sido cada um titular em 11 partidas.
  •  
     
    Os "colchoneros" são também os melhores da prova nos minutos finais: sete desses tentos foram apontados entre os 76 minutos e o apito final.
  •  
     
    O Atlético é a equipa mais concretizadora das quatro ainda em prova, com 29 tentos - mais quatro que o At. Bilbau.
  •  
     
    O ponta-de-lança colombiano estabeleceu em 2010/11 um novo recorde na prova, com 17 tentos, na caminhada que levou o FC Porto ao triunfo final. Até hoje, nenhum outro jogador conseguiu ser o melhor marcador em temporadas consecutivas da prova.
  •  
     
    O bis de Falcao na partida da primeira mão permitiu-lhe alcançar Huntelaar, do Schalke 04, no topo da lista de melhores marcadores da presente edição da Liga Europa, com dez golos.
  •  
     
    O Valência é a única equipa que resta na presente edição da prova que transitou da fase de grupos da Champions.
  •  
     
    O Valência não perde em casa há 21 jogos para a Taça UEFA ou Liga Europa (nos quais somou 14 vitórias e sete empates). A última derrota caseira nestas competições teve lugar diante do Inter, por 1-0, nos quartos-de-final da edição 2001/02.
  •  
     
    O Valência venceu os últimos cinco jogos que disputou em casa na prova, marcando quatro golos nos dois últimos. Nessa série de triunfos incluem-se ainda vitórias por 3-1 e 7-0.
  •  
     
    O Valência não perde em casa nas competições europeias de clubes há nove jogos (sete vitórias e dois empates). A última derrota teve lugar na fase de grupos da Champions, por 1-0, frente ao Manchester United, a 29 de Setembro de 2010.
  •  
     
    O registo do Atlético fora de portas na presente edição da Liga Europa, desde a sua entrada em prova, na terceira pré-eliminatória, é impressionante: seis vitórias, um empate e uma derrota.
  •  
     
    O registo do Atlético fora de portas na presente edição da Liga Europa, desde a sua entrada em prova, na terceira pré-eliminatória, é impressionante: seis vitórias, um empate e uma derrota.
  •  
     
    O Atlético parte para o jogo da segunda mão com uma série em curso de dez triunfos consecutivos em jogos da UEFA Europa League (quatro deles fora de casa). A última derrota aconteceu no terreno da Udinese, por 2-0, ainda na fase de grupos.
  •  
     
    O Atlético disputou dez jogos frente a adversários do seu próprio país nas provas europeias, e apresenta um registo de quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas (uma igualdade e quatro desaires a jogar fora).
  •  
     
    Os 12 jogos já disputados pelo Valência frente a equipas espanholas nas competições europeias de clube terminaram com seis vitórias, três empates e três derrotas (quatro triunfos e uma igualdade a jogar em casa).
  •  
     
    O Valência nunca perdeu um jogo europeu em casa frente a rivais da Liga espanhola, enquanto o Atlético ainda procura a sua primeira vitória nas provas da UEFA a jogar fora de portas em solo espanhol.
  •  
     
    Falcao (18 min) colocou o Atlético na frente, mas Jonas (45) empatou. Miranda (49), Adrián López (54) e, novamente, Falcao (79) ofereceram uma vantagem confortável aos anfitriões, mas um golo de Ricardo Costa (94) reacendeu as esperanças do Valência.
  •  
     
    O Valencia terá muito trabalho pela frente para evitar que o Atlético de Madrid esteja na final da Liga Europa, depois de ter perdido por 4-2 no jogo da primeira mão, na capital espanhola.
 

Comentários

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.