O antigo jogador do Arsenal e do Real Madrid recordou alguns episódios curiosos com José Mourinho na capital espanhola e não teve problemas em falar sobre as diferenças que encontrou entre o técnico português e Arsène Wenger.

Numa entrevista ao jornal inglês 'Daily Mail', Emmanuel Adebayor foi desde logo questionado sobre as personalidades de Arsène Wenger e José Mourinho.

"O [Arsène] Wenger é calmo, o Mourinho não. Lembro-me de um jogo no Arsenal em que estávamos a perder 1-2 e a jogar muito mal. O Henry estava a ficar louco. O Wenger entrou no balneário e disse para termos calma, que tínhamos 65 por cento de posse de bola e já tínhamos conseguido 25 cruzamentos. 'O que é que isso interessa? Estamos a perder!', respondia o Henry. É essa a grande diferença entre os dois", começou por dizer o ex-internacional togolês.

"No Real [Madrid], estávamos a ganhar 3-0 ao intervalo e o Mourinho entrou furioso pelo balneário. Pontapeou o frigorífico, garrafas de água, deu um raspanete a toda a gente. Uma vez ia matando o Ronaldo depois de ele marcar um hat-trick. 'Toda a gente diz que és o melhor do mundo, então mostra-me. Estás a jogar mal', disse uma vez o Mourinho a Ronaldo", acrescentou Adebayor.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.