Os seis jogos sem vencer e o sétimo lugar no Grupo 13 da Terceira Divisão Espanhola levaram o Lorca a medidas drásticas. O clube espanhol despediu o técnico Walter Pandiani, antigo avançado que brilhou no Deportivo da Corunha e colocou nas mãos dos adeptos uma grande responsabilidade: escolher o onze do próximo jogo.

No fundo, este é o sonho de qualquer 'treinador de bancada': decidir que jogador da sua equipa deverá jogar de início.

Através de uma aplicação móvel, os adeptos do emblema de Murcia vão ter a possibilidade de escolher a tática a utilizar, a equipa titular e ainda mexidas no onze ao longo do jogo. No fundo, é como jogar Football Manager (para quem joga) mas na vida real.

Será que os adeptos conhecem melhor a equipa que o treinador agora despedido? E se a moda pega?

Agora é esperar para ver o que irá fazer a equipa escolhida pelos adeptos este fim-de-semana. Se a equipa escolhida pelos sócios vencer, a direção poderá muito bem continuar com esta ideia inovadora.

O Lorca vive um momento delicado na sua história. Desceu de divisão, passou do futebol profissional para o amador, desde que clube foi vendido ao empresário chinês Xu Genbao, muito criticado pela gestão que tem levado a cabo no emblema da Cidade do Sol.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.