Cerca mil adeptos do Valência foram hoje expulsos das bancadas da ‘Curva Nord’ do estádio de Mestalla por exibirem cartazes a exigir a saída de Peter Lim, acionista maioritário do clube espanhol de futebol.

Antes do encontro com o Espanyol, da 18.ª jornada da liga espanhola, os adeptos do Valência pediram a saída do empresário de Singapura e da compatriota Layhoon Chan, presidente do clube.

“Estamos acima dos ovos” ou “Valência acorda” eram algumas das inscrições nos cartazes exibidos pelos adeptos do clube, atualmente na 17.ª posição do campeonato, com 13 pontos, apenas um acima da ‘linha de água’.

A 03 de janeiro, na primeira mão dos oitavos de final da Taça do Rei, frente ao Celta de Vigo, os adeptos do Valência também entoaram cânticos a exigir a saída de Peter Lim.

O Valência acabou por ser eliminado pelo Celta de Vigo, que venceu os dois jogos (4-1 em Valência e 2-1 em Vigo).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.