Enrique Cerezo, presidente do Atlético Madrid, saiu em defesa de João Félix, que tem sido alvo de várias críticas em Espanha. Em entrevista à 'Radio Marca', o dirigente pediu tempo para que o português pudesse mostrar o que vale.

"É um enorme jogador, com apenas 20 anos. Há que esperar pelo seu desenvolvimento, não é por valer 120 milhões que tem de ganhar troféus no dia seguinte", garantiu Cerezo.

O presidente dos 'colchoneros' falou também do treinador Diego Simeone: "Trata-se de um técnico magnífico, que nos deu triunfos e títulos. Joga como quer e, como os resultados são magníficos, não vamos discutir. O problema é que em Espanha não há o hábito de se ter um treinador durante oito anos ou mais."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.