A Suíça quer surpreender Portugal nas meias-finais da Liga das Nações de futebol, apesar de reconhecer que é um "adversário difícil" e que tem a vantagem de jogar em casa, afirmou hoje o selecionador, Vladimir Petkovic.

"Penso que é uma competição muito interessante e uma partida interessante. Temos Portugal como adversário, com quem já jogámos na competição anterior", disse Petkovic, em referência ao encontro da fase final da nova prova da UEFA, marcado para 05 de junho, no Estádio do Dragão, no Porto.

O técnico, nascido em Sarajevo, na Bósnia-Herzegovina, mas naturalizado suíço, comentava o resultado do sorteio realizado hoje em Dublin, reconhecendo que Portugal é "um adversário difícil, que merece todo o respeito e joga em casa", mas sem esconder a ambição de ganhar o jogo e o troféu, que vai disputar-se após o início da qualificação para o Euro2020.

"Vamos preparar-nos para começar bem a qualificação para o Euro2020 e depois chegar a junho e poder fazer uma surpresa", adiantou Petkovic.

O sorteio ditou também que o outro jogo das meias-finais, em 06 de junho, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, será disputado entre a Holanda e a Inglaterra.

O selecionador de Inglaterra, Gareth Southgate, considerou que a Liga das Nações tem sido um grande sucesso e que a qualidade dos jogos tem contribuído para o desenvolvimento da equipa, pois facilita a dispensa de atletas por parte dos clubes, que, por vezes, colocam entraves quando se trata de jogos particulares.

"Estamos ansiosos pelas meias-finais. São quatro equipas muito boas. A Holanda é semelhante a nós em termos de desenvolvimento, tem muitos jogadores jovens formidáveis e já vi o impacto do Ronald [Koeman] na equipa quando jogámos contra eles, em março", comentou.

O selecionador da Holanda, Ronald Koeman, retribuiu o elogio a Southgate e a "forma como está a dar oportunidades a jovens jogadores”: “É algo que nós também gostamos de fazer na Holanda, porque são o futuro para qualquer equipa", assinalou.

O antigo treinador do Benfica admitiu que o jogo vai mobilizar muitos adeptos ingleses e holandeses, pois Portugal "é um país muito bom para passar férias”, formulando o desejo de “bom tempo em junho" no norte do país. "É importante para nós mostrar novamente que estamos a melhorar a equipa", assinalou.

Além do troféu, a vitória na Liga das Nações permite um encaixe de seis milhões de euros (ME), que se juntam-se a 4,5 ME por ter alcançado a fase final.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.