Antonio Conte quer contar com os seus melhores jogadores frente ao Arsenal e está disposto a deixá-los descansar na partida frente ao Qaarabag, da Liga dos Campeões.

Segundo avança o jornal Telegraph, o técnico italiano pondera mesmo guardar os seus trunfos para jogos de maior dificuldade.

"O Eden [Hazard] está no plantel e está a trabalhar muito bem para chegar à melhor condição física, mas acho que precisa de mais tempo para melhorar e não assumir riscos estúpidos com ele. Agora ele está disponível e vai estar no banco", afirmou o técnico.

"O Álvaro [Morata] está a jogar muito bem, a marcar e está totalmente envolvido no nosso estilo de jogo e a melhorar imenso. Mas não nos esqueçamos que ele jogou toda a partida pela Espanha e contra o Leicester. Eu tenho de ver e depois tomar a melhor decisão. É normal que quando jogas sete partidas em 21 dias que é necessário fazer uma rotação, mas estou muito calmo", afirmou Conte, confirmando que em Inglaterra é mais difícil rodar jogadores.

"As equipas inglesas têm dificuldades porque a league é muito forte aqui. No passado, antes da Liga dos Campeões, eu descansei jogadores. Mas em Inglaterra, é muito difícil fazer isto. Arriscas muito. Mas estamos prontos e, por esta razão, temos de rodar todo o plantel".

Questionado sobre se seria um risco não contar com estes dois jogadores, Conte acrescenta.

"Eu penso que quando tomas uma decisão, há sempre um risco. O risco pode ser eu usar os mesmos jogadores que eu usei frente ao Leicester e perguntarem 'porque é que não mudou a equipa'. Este é o nosso trabalho", confirmou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.