A partida dos 'oitavos' da Liga dos Campeões de futebol entre Valência e Atalanta, agendada para terça-feira, vai decorrer à porta fechada e sem a presença de jornalistas, devido à epidemia do Covid-19, anunciaram hoje os valencianos.

Na passada terça-feira, o ministro espanhol da Saúde, Consumo e Bem-estar Social, Salvador Illa, já tinha informado que o jogo da segunda mão entre os espanhóis e os italianos tinha que ser disputado sem a presença de público, com o Valência hoje a acrescentar em comunicado, citado pela agência de notícias espanhola Efe, que os jornalistas também não vão poder entrar no Estádio de Mestalla.

A partida entre espanhóis e italianos está marcada para o próximo dia 10 de março, mas a epidemia do novo coronavírus no Norte de Itália levou as autoridades espanholas a decidirem que o jogo decorresse sem público.

A equipa da Atalanta é da cidade de Bergamo, que faz parte da região da Lombardia, uma das mais afetadas pelo surto do coronavírus.

Na primeira mão disputada naquela cidade italiana, a Atalanta venceu o Valência por 4-1.

O surto de Covid-19, detetado em dezembro, na China, e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou cerca de 3.600 mortos e 105 mil pessoas infetadas numa centena de países e territórios.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.