Na antecipação da partida frente ao PAOK, Jorge Jesus falou sobre o projeto Benfica e sobre os jogadores que mais o surpreenderam neste seu regresso ao emblema encarnado.

Ambição neste regresso ao Benfica

"A minha ambição é em função do meu passado no Benfica. No primeiro ano no Benfica disse que a ambição era ser campeão e fui. Agora não é só ser campeão, é poder chegar o mais longe possível nas provas europeias. Este agora é o projeto do Benfica. Até pode vamos, não sei, mas amanhã teremos o nosso primeiro jogo na Champions, um jogo difícil. Ambição ninguém nos pode tirar, queremos chegar o mais longe possível, até onde nos deixarem passar."

Jogador que mais o surpreendeu

"Como vocês sabem, ainda tenho quatro jogadores que são do meu tempo quando passei pelo Benfica. Neste caso estão dois, o André Almeida e o Pizzi. É uma vantagem que eu tenho porque são jogadores que me conhecem. Isso ajuda-me na relação com os outros jogadores que não me conhecem. Todos estão-me a surpreender. É uma equipa jovem, que tem a noção de onde está e onde quer ir. Os jogadores são valorizados consoante as transferências. Vocês também fazem um juízo de valor.... São reforços, não é para jogar no onze, são reforços do plantel. Claro que alguns não deixam dúvidas, mas eu falo assim como treinador. Quando procuro reforçar o plantel, não quer dizer que todos os reforços que chegam aqui e têm lugar no onze. Vão ter de demonstrar que merecem. Quem é que me tem surpreendido? Todos."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.