Entre os favoritos a vencer a Liga Europa, o Arsenal tem uma missão difícil na quinta-feira nos oitavos de final. A equipa do espanhol Unai Emery, técnico que venceu a competição por três vezes com o Sevilla, terá que reverter uma desvantagem após perder por 3-1 para o Rennes fora de casa.

A equipa francesa, que já eliminou o Betis nos 16 avos de final, surpreendeu os 'Gunners' que desta vez vão poder contar com o atacante francês Alexandre Lacazette, depois da UEFA ter reduzido na terça-feira a sua suspensão de três partidas para duas, após uma cotovelada que deu num jogador adversário.

Mas Emery não poderá contar com o defesa grego Sokratis Papastathopoulos, expulso no jogo da primeira-mão.

Bem mais tranquilo, o também londrino Chelsea joga em casa à procura de confirmar a vaga nos quartos de final da Liga Europa após vencer o Dínamo de Kiev por 3-0 fora de casa.

Os 'Blues', que lutam na Premier League por uma vaga na próxima Liga dos Campeões, foram campeões da Liga Europa na temporada 2012-2013.

O Nápoles, vice-líder no campeonato italiano, também conseguiu um 3-0 diante do Salzburgo, mas em casa. Teoricamente não deverá ter problemas para selar a sua qualificação na quinta-feira, na Áustria.

Já o Sevilla só conseguiu um empate (2-2) jogando em casa com o Slavia de Praga na semana passada e tem a obrigação de fazer uma boa partida fora para se classificar.

"Vamos sofrer fora de casa. O Slavia é um grande adversário e tem a força de jogar em sua casa", disse no último fim de semana o técnico do Sevilla, Pablo Machín.

A equipa espanhola, que já conquistou a Liga Europa cinco vezes, enfrenta um Slavia que nesta temporada não sofreu nenhuma derrota no seu estádio nesta competição.

O Villarreal, apesar de lutar contra a despromoção no campeonato espanhol, entra em campo na quinta-feira mais tranquilo depois de vencer o Zenit de São Petersburgo fora de casa por 3-1.

Noutro duelo entre espanhóis e russos, o Valência, que venceu o Krasnodar em casa, no estádio Mestalla por 2-1, joga a segunda partida em boa fase, depois de um irregular início de temporada.

A equipa espanholo, que acumula quatro vitórias consecutivas nos últimos jogos, terá que lidar com a ausência do seu capitão Dani Parejo, alma do jogo valencianista, e do defesa argentino Facundo Roncaglia, ambos castigados.

Inter de Milão e Eintracht enfrentam-se com a eliminatória em aberto após o empate a zero na primeira-mão na Alemanha, enquanto que o Benfica vai tentar no seu estádio reverter a desvantagem após o 1-0 sofrido no primeiro jogo contra o Dínamo Zagreb, na Croácia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.