Após uma semana complicada em Alvalade, com os jogadores a serem ameaçados com processos disciplinares por parte do presidente Bruno de Carvalho, Bruno Fernandes assegura que a equipa só pensa em dar alegrias aos adeptos. Os 'leões' vão tentar dar a volta ao resultado de 0-2 sofrido na primeira-mão dos quartos-de-final da Liga Europa, frente ao Atlético Madrid. A eliminação do Barcelona às mãos da AS Roma inspira os comandados de Jorge Jesus.

Fraqueza física do Atlético: "Não acredito em fraqueza do Atlético Madrid [por causa da sobrecarga de jogos]. Nós também temos vindo a fazer muitos jogos, mais do que eles. Estamos em várias competições ainda. A fraqueza física não será álibi para o Atlético. Eles são fortes fisicamente, lutam em todas as bolas como se fosse a última e o Sporting fará o mesmo."

Ambiente no balneário após semana complicada: "Está como estava no início do campeonato: com disponibilidade para dar tudo por esta instituição que é o Sporting Clube de Portugal, tentar dar o máximo para que tenhamos mais vitórias do que temos feito até agora. Estamos a fazer um bom campeonato, não tão bom como gostaríamos, estamos em todas as competições, na Europa estamos numa fase difícil. O Sporting tem vindo a fazer boas provas, acreditamos que ainda podemos conquistar alguma coisa."

Últimas horas no Sporting: "Somos profissionais, estamos aqui para fazer o nosso trabalho como temos vindo a fazer desde o início, focados no que são os objetivos do clube. Temos vindo a respeitar isso e continuaremos a faze-lo até ao final do campeonato."

Estratégia para a remontada: "Eles têm uma equipa muito forte, nos últimos anos têm vindo a fazer grandes épocas e a lutar e vencer títulos, estiveram em duas finais da Liga dos Campeões nos últimos anos. Merecem todo o nosso respeito, assim como o Sporting merece todo o respeito. Estamos a lutar para os nossos objetivos. Fomos à Madrid buscar um resultado positivo, demos o máximo, tivemos a infelicidade de sofrer dois golos da forma como foram, mas temos vindo a trabalhar para melhorar individual e coletivamente."

Inspirar-se na AS Roma: "Como já disse, o Atlético Madrid é muito forte, mas ontem aconteceu um resultado inesperado [AS Roma 3-0 Barcelona], todos viam o Barcelona como possível finalista da Liga dos Campeões, mas não passou, não marcou um golo fora, o que é anormal. Mas estamos focados no Atlético, na nossa remontada. Assim iremos tentar, sem descuidar a parte defensiva porque eles são letais na frente."

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.