Conor Coady mostrou estar à altura da braçadeira de capitão no Wolverhampton. O defesa de 26 anos escreveu uma carta personalizada a cada um dos 48 adeptos do 'Wolves' que marcaram presença na primeira-mão da terceira pré-eliminatória da Liga Europa na Arménia, frente ao FC Pyunik.

Os 48 apoiantes da equipa de Nuno Espírito Santo fizeram uma viagem de mais de 10 mil quilómetros, com um custo acima dos 1400 euros. Um esforço para apoiar o clube do coração e que não passou despercebido a Conor Coady, capitão dos 'wolves'.

Desses 48 apoiantes, havia um muito especial: Steve Bishop, presidente do clube de adeptos do Wolverhampton de Cannock. Steve Bishop apenas conseguiu assistir os últimos 18 minutos da vitória do emblema inglês por 4-0 mas. 18 minutos importantes já que permitiram ao presidente do clube de adeptos do Wolverhampton de Cannock manter o recorde de ver todos os jogos da equipa desde 1976.

Mas o recorde esteve quase a ser interrompido: Bishop teve de lidar com atrasos nos voos no aeroporto de Moscovo e ainda com problemas na aeronave que o conduziu até a Arménia. Chegou a tempo de assistir 18 dos 90 minutos de jogo e ainda viu o 4-0, da autoria do português Rúben Neves, de grande penalidade. Raúl Jiménez por duas vezes e Matt Doherty fizeram os outros tentos.

Nuno Espírito Santo ficou sensibilizado com o esforço de Bishop.

"Lamento por ele mas ao menos conseguiu ver algo: os últimos 18 minutos foram bons", comentou o português, citado pelo 'The Telegraph'.

Esta noite o Wolverhampton pode confirmar o apuramento para os play-offs da Liga Europa, quando receber o FC Pyunik no Molineux. Se passar, irá enfrentar os italianos do Torino nos play-offs.

O Wolverhampton, treinado pelo português Nuno Espírito Santo, conta com oito jogadores lusos no plantel: Rui Patrício, Roderick Miranda, Rúben Vinagre, Rúben Neves, Bruno Jordão, João Moutinho, Pedro Neto e Diogo Jota.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.