O Barcelona continua a 'suspirar' por Neymar e, nesse sentido, terá tentado garantir o regresso do brasileiro a título de empréstimo, com os catalães a ficarem com opção de compra no final da época.

De acordo com o jornal 'Le Parisien', a oferta dos 'blaugrana' foi considerada inaceitável pelo PSG, não apenas do ponto de vista financeiro, mas também de princípios e respeito institucional, pelo que a resposta do campeão francês foi um rotundo 'não'.

Nasser Al-Khelaifi, presidente do clube parisiense, não admite transferir a sua principal estrela sem um retorno financeiro que compense os 222 milhões investidos em 2017.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.