O Lille, clube onde jogam José Fonte e Renato Sanchez, vai cortar na folha salarial para fazer face à paragem das competições causada pela pandemia de Covid-19.

Segundo o jornal 'L'Équipe' o clube entrou nesta fase com algum optimismo face à boa tesouraria do emblema - 40 milhões de euros - mas mesmo assim teve de impor limitações aos salários.

Gerard Lopéz, em declarações ao jornal francês confirmou os cortes na folha salarial.

"(...) os encargos salariais não são gigantes, mas esta fase não vai ser fácil e teremos de reduzir os custos ao máximo", afirmou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.