A Liga Francesa de Futebol castigou Gelson Martins com seis meses de suspensão, no seguimento das ações do avançado internacional português do Mónaco frente ao Nimes, quando empurrou por duas vezes o árbitro dessa  partida, jogada a 1 de fevereiro, e que terminou com a derrota do Mónaco por 3-1. O português viu o cartão vermelho quando estavam decorridos apenas 31 minutos de jogo.

Recorde o momento do empurrão de Gelson Martins ao árbitro que esteve na origem do castigo agora aplicado

"Depois da instrução do processo e da audição do jogador, a comissão [disciplinar da LFP] decidiu sancionar Gelson Martins com uma suspensão de seis meses", informou em comunicado a entidade máxima do futebol francês.

Gelson encontrava-se já suspenso preventivamente, tendo o castigo final aplicado ao atleta ficado definido esta quinta-feira. Os seis meses de suspensão começam a contar desde o primeiro dia dessa suspensão preventiva inicial, decretada a 6 de fevereiro.

Mónaco já reagiu

O Mónaco já reagiu, também em comunicado, ao castigo aplicado ao internacional português. "O AS Monaco toma nota da decisão do Comité Disciplinar da LFP de sancionar Gelson Martins com uma suspensão de 6 meses, a contar a partir de 6 de fevereiro. Uma sanção demasiado pesada. Apesar de, uma vez mais, condenarmos publicamente o comportamento injustificável de jogador, lamentamos a duração excessiva da suspensão, aplicada a um jogador a quem não se conhece qualquer outra lacuna disciplinar em mais de 200 jogos ao mais alto nível".

A temporada de 2019/20 do antigo jogador do Sporting tem, assim, um fim prematuro, visto que em França, de acordo com este castigo agora aplicado pelo comité disciplinar, Gelson só poderá voltar atuar a 6 de agosto. Fica assim também em dúvida uma eventual chamada do jogador para a fase final do Campeonato da Europa de 2020 por parte do selecionador de Portugal, Fernando Santos.

Esta temporada, Gelson Martins somava quatro golos em 23 jogos no conjunto de todas as competições pela formação do Principado, pela qual assinou em definitivo no início da época, vindo do Atlético de Madrid, depois de ter já passado a segunda metade da anterior temporada no clube da Ligue 1, então por empréstimo dos 'colchoneros'.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.