O jornal francês Le Parisien avançou, no início do mês de maio, que Julian Draxler e Neymar protagonizaram uma acesa discussão no balneário do PSG após a derrota diante do Montpellier (3-2).

Na altura, a referida publicação relatou que, após a derrota com o Montpellier, Neymar acusou Draxler de ser individualista, ao que o alemão terá respondido: "’Quem és tu para me falar assim? A única coisa que sabes fazer é passes para trás’".

A troca de palavras chegou a um ponto tal que Thomas Tuchel, treinador, e Antero Henrique, diretor desportivo, tiveram de intervir para que ambos não chegassem a vias de facto.

Agora, e em entrevista à revista Kicker, o internacional alemão confirmou a discussão com Neymar, mas desvalorizou o episódio.

"Tive um desentendimento com ele, como pode acontecer a qualquer um. Se não estás de acordo não é importante quem enfrentas. Aconteceu depois de um jogo. Eu estava chateado e ele também. O tom de voz começou a subir, mas depois a coisa acalmou. Diria que não foi nada de especial, mas demonstrou que naquele momento não estávamos a atravessar o melhor período em termos mentais", atirou Draxler, em declarações reproduzidas pelo jornal AS.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.