O Paris Saint-Germain anunciou nesta segunda-feira que o médio francês Adrien Rabiot quer deixar a equipa no final desta temporada, segundo declarações do diretor desportivo Antero Henrique ao site Yahoo Sports.

O contrato do jogador de 23 anos termina no próximo dia 30 de junho. A partir do dia 1 de janeiro o jogador gaulês pode comprometer-se com outra equipa, sem que o PSG receba qualquer compensação pela sua saída.

O clube parisiense decidiu assim encerrar as negociações para um eventual novo contrato.

"É uma decisão que o clube tomou após uma reunião com o jogador. Ele informou-me que não vai assinar outro contrato e que deseja abandonar o clube a custo zero no final da época. Para o jogador, isto terá uma consequência muito clara: vai ficar no banco por tempo indefinido", explicou Antero Henrique.

"Há muitos meses, tivemos conversas positivas com o representante do jogador na perspetiva de permanecer no clube e de assinar um novo contrato. Também aceitamos todas as condições impostas pelo jogador. Discutimos essas condições para que Rabiot ficasse connosco por vários anos. Infelizmente, a partir de agora, essas conversas pararam na totalidade", acrescentou.

"Parece-me que o jogador e o seu representante mentiram-nos durante vários meses. Devo acrescentar que esta situação é uma falta de respeito para nós e para os adeptos, especialmente tratando-se de um jogador que jogou com as nossas cores durante muito tempo e que sempre recebeu o apoio total do clube", rematou.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.