O sueco Zlatan Ibrahimovic assinou hoje um novo contrato com os norte-americanos do LA Galaxy, integrando o trio de futebolistas com permissão para ter salário acima do teto estipulado pela Liga (MLS).

As regras do campeonato norte-americano autorizam que três atletas por equipa possam auferir um montante mensal acima dos limites designados.

Nas suas primeiras declarações após a renovação, o avançado classificou as notícias que davam conta de um possível regresso ao AC Milan como "rumores".

"Houve vários rumores, várias conversas mas ainda não acabei a minha aventura na MLS. Ainda tenho coisas para fazer aqui e o meu primeiro ano foi só um aquecimento e agora o segundo vai ser diferente... muito diferente", começou por dizer o avançado de 37 anos.

"Agora, conheço a Liga, conheço melhor os meus adversários, mesmo que eles me conheçam. Sei como lidar melhor, sei o que fazer e conheço melhor a minha equipa. Fisicamente, sinto-me melhor. O primeiro ano foi um aquecimento, no segundo vou acabar com isto", acrescentou.

O futebolista de 37 anos chegou este ano à MLS, tendo sido eleito o ‘novato’ do campeonato, depois de marcar 22 golos e ter feito 10 assistências em 27 jogos: foi ainda escolhido como o terceiro atleta mais valioso.

Ibrahimovic foi o terceiro jogador da história do campeonato a passar a marca de 22 golos e 10 assistências: integrou ainda o ‘onze’ ideal da prova e marcou o melhor golo do campeonato.

O internacional sueco tornou-se, em 15 de setembro, o terceiro jogador mundial no ativo a superar a marca dos 500 golos pelo clube e seleção, juntando-se a Cristiano Ronaldo e Lionel Messi.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.