O selecionador nacional esteve, esta quinta-feira, à conversa com os jornalistas portugueses presentes em Kratovo, na Rússia, onde falou da prestação e exibição dos campeões europeus desde o arranque do Mundial2018.

“Resultados nota claramente positiva. 7, seguramente. Em termos de exibições dou um seis. Não estou nada satisfeito, ja me conhecem bem, mas Portugal está em ótima posição para seguir em frente”, disse Fernando Santos.

Após o empate com Espanha (3-3) e a vitória sobre Marrocos (1-0), Portugal lidera o grupo em igualdade com a seleção espanhola, com quatro pontos, enquanto o Irão, comando por Carlos Queiroz e próximo adversário da equipa lusa, é o terceiro classificado, com três pontos.

“Mensagem é de absoluta confiança que vamos passar, mesmo sabendo que se trata de um jogo muito difícil. Temos de ir à procura da vitória, nem vamos pensar no empate. O Irão ainda está na luta para passar à próxima fase."É tudo muito bonito, mas ser campeão da Europa tem algum peso. Falo com eles todos os dias e sei que estão confiantes, porque há uma relação de absoluta confiança, mas durante o jogo o subconsciente funciona. Numas vezes é mais positivo, noutras menos...”, disse o selecionador, referindo-se as más exibições de alguns jogadores.

O jogo contra o Irão, que se estreou com uma vitória sobre a seleção marroquina e perdeu na quarta-feira com a Espanha (1-0), disputa-se na segunda-feira, na Arena Mordóvia, em Saransk, a partir das 21:00 (19:00 em Lisboa).

"Conheço bem a equipa do Irão, já trabalhei o suficiente para a conhecer bem. Isto é um grande alerta. Se Espanha tivesse feito um resultado distinto… Os jogadores sabem que é uma seleção muito difícil. Ao contrário do que se pensa, Portugal só quer é estar nos oitavos de final deste Mundial. Não estou nada preocupado com ser primeiro ou ou segundo. Há três equipas em condições de passar. O fundamental é passar", analisou.

Veja o vídeo

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.