O defesa Francisco Moura mostrou-se hoje ansioso para que o Mundial de futebol de sub-20, na Polónia, comece rapidamente, admitindo que Portugal tem a ambição de vencer a prova.

“Estamos ansiosos. Queremos que comece o mais rápido possível, mas temos que ter cabeça e foco em treinar bem. Estamos felizes”, começou por referir o defesa da equipa de sub-23 do Sporting de Braga, em conferência de imprensa.

A cumprir o terceiro dia de estágio na Cidade do Futebol, em Oeiras, o jovem, de 19 anos, afasta a obrigação de erguer o troféu em solo polaco e explicou: “Não nos sentimos obrigados, sentimos que é uma ambição que temos. Todas as equipas que estão aqui sonham com isso, não fugimos à regra, mas é jogo a jogo."

Ainda sem poder contar com todos os companheiros, uma vez que se encontram a representar os respetivos clubes, Francisco Moura enalteceu que o facto de não estarem com o grupo é bom sinal.

“A ausência também é boa para os que estão ausentes, mas queremos que estejam focados quando vierem e unirmo-nos para que corra tudo bem”, declarou.

Inserido num grupo com Coreia do Sul, Argentina e África do Sul, o lateral-esquerdo realça a importância de começar bem no encontro de estreia frente aos coreanos, porém, alerta que “todos os adversários são muito fortes”.

“É normal que nesta competição sejam sempre muito fortes e encaramos os adversários como sendo sempre difíceis. Começar bem é diferente de começar mal e [com a Coreia do Sul] é sempre um jogo importante”, concluiu.

Portugal, em cujo palmarés figuram os títulos mundiais de sub-20 em 1989 e 1991, estreia-se na Polónia frente à Coreia do Sul, em 25 de maio, seguindo-se os confrontos com a Argentina, no dia 28, e a África do Sul, no dia 31, todos na cidade de Bielsko-Biala.

O selecionador Hélio Sousa contou com apenas 17 atletas no terceiro dia de trabalhos. Pedro Neto, da Lazio, junta-se à equipa na quinta-feira.

Os jogadores do Benfica Florentino Luís, Gedson Fernandes e Jota integram os trabalhos mais tarde, apenas quando terminar a I Liga, assim como o guarda-redes do FC Porto Diogo Costa, que será o último a concentrar-se e já em solo polaco, uma vez que os ‘dragões’ ainda vão disputar a final da Taça de Portugal, frente ao Sporting, no dia 25.

Antes da partida para a Polónia, no dia 20, os 21 convocados por Hélio Sousa vão realizar um jogo de preparação diante da Arábia Saudita, no dia 18, pelas 11:30, na Cidade do Futebol.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.