A Premier League decidiu suspender os cumprimentos com as mãos entre os jogadores, por tempo indeterminado. Em causa está o alastrar do novo coronavírus (Covid-19) em vários países.

Em comunicado, a liga inglesa informa que todo o protocolo da entrada em campo vai manter-se, mas o tradicional aperto de mão entre os jogadores das duas equipas e a equipa de arbitragem está suspenso "até novo aviso com base em conselhos médicos".

"Ao entrar no terreno de jogo, as duas equipas continuarão a alinhar, acompanhadas pela música da Premier League e os jogadores da equipa da casa passarão pelo adversário sem apertar as mãos".

Recorde-se que a Liga belga também adotou uma série de medidas para evitar a propagação do Covid-19, entre elas a proibição de ‘selfies’, autógrafos e outros cumprimentos entre jogadores e adeptos.

O surto de Covid-19, detetado em dezembro, na China, e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou cerca de 3.300 mortos e infetou mais de 95 mil pessoas em 79 países, incluindo nove em Portugal.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.